Rotary Club de Luiziana

ROTARY CLUB DE LUIZIANA REALIZA REUNIAO PARA FUNDAÇÃO DE INTERACT

Na noite do dia 03.12 o Rotary Club de Luiziana realizou a primeira reunião para formação do  Interact Club em Luiziana com a presença do Interact Club de Campo Mourão. Cerca de 20 jovens participaram desse momento, interessados em participar do programa. O Presidente do Interact de Campo Mourão, João Paulo Tovo e os associados Maria Eduarda, Lucas e Andressa, fizeram uma excelente apresentação explicando como é formado um interact e seus objetivos. Teve inclusive atividade prática onde os jovens, em grupos e orientados por Rotarianos, tiveram que montar e apresentar dois projetos que pudessem ser desenvolvidos em sua comunidade. Os jovens tiveram ainda a oportunidade de presenciar a entrega dos presentes que foram doados pelos Rotarianos, voluntários e empresas da cidade à APAE. Esses presentes foram fruto da ação voluntária desenvolvida pelo clube em comemoração ao Dia de Doar. Aos jovens foi explicado que ações simples podem ajudar a transformar a vida de pessoas. Agradecimentos especiais as empresas que ajudaram com doações: Favorita Store, Musa Biju, Deposito Avenida Centro, Charme Modas, Farmácia do Evandro, Tita Confecções, Móveis Dal Bosco, Supermercado Gomes, Supermercado Ceolim, Acimóveis

Postado em 04 de Dezembro de 2019

ROTARY CLUBE DE LUIZIANA PROMOVEU PEDALADA CONTRA A PÓLIO

Aconteceu domingo (28), o evento esportivo ‘Pedalando Contra a Pólio’, que tem como objetivo conscientizar sobre a poliomielite, realizado pelo Rotary Clube de Luiziana. A largada aconteceu as 9hs da manhã de frente do Ginásio de Esportes Waldir José Ferri e percorreu um trajeto de 5km dentro da cidade. O evento teve a participação de mais de 100 ciclistas de várias idades. Além do Pedalando o Rotary Clube de Luiziana realizou teste de hepatite, as crianças puderam se divertir com cama elástica, pintura em rosto dentre outros. A poliomielite é também conhecida como paralisia infantil, e é transmitida por via oral de pessoa a pessoa. Neste ano o Brasil corre o risco de voltar a sofrer com a doença, devido à baixa adesão da população em se vacinar. O alerta vem do próprio Ministério da Saúde, que apontou 312 municípios de diferentes estados em que a cobertura vacinal está abaixo dos 50%.

Postado em 30 de Outubro de 2019

ROTARY CLUBE DE LUIZIANA PROMOVEU PEDALADA CONTRA A PÓLIO

Aconteceu domingo (28), o evento esportivo ‘Pedalando Contra a Pólio’, que tem como objetivo conscientizar sobre a poliomielite, realizado pelo Rotary Clube de Luiziana. A largada aconteceu as 9hs da manhã de frente do Ginásio de Esportes Waldir José Ferri e percorreu um trajeto de 5km dentro da cidade. O evento teve a participação de mais de 100 ciclistas de várias idades. Além do Pedalando o Rotary Clube de Luiziana realizou teste de hepatite, as crianças puderam se divertir com cama elástica, pintura em rosto dentre outros. A poliomielite é também conhecida como paralisia infantil, e é transmitida por via oral de pessoa a pessoa. Neste ano o Brasil corre o risco de voltar a sofrer com a doença, devido à baixa adesão da população em se vacinar. O alerta vem do próprio Ministério da Saúde, que apontou 312 municípios de diferentes estados em que a cobertura vacinal está abaixo dos 50%.

Postado em 30 de Outubro de 2019

ROTARY CLUB DE LUIZIANA E VOLUNTÁRIOS COMEÇAM CONFECCIONAR ALMOFADAS DE CORAÇÃO PARA MULHERES COM CÂNCER QUE RETIRAM SEIOS

Teve início na noite dessa quinta-feira (17), no Centro Catequético da Paróquia Nossa Senhora de Luiziana, o Projeto Maria do Carmo Freire - Almofada Coração, uma iniciativa do Rotary Clube de Luiziana.   Mais de 30 almofadas em formato de coração foram confeccionadas no primeiro dia do projeto que serão destinadas a hospitais para mulheres diagnosticadas com câncer de mama e que fazem a retirada do seio após mastectomia. A almofada é colocada na axila. Desta forma, neutraliza a dor da ferida cirúrgica e a dor a partir do braço e do ombro que costuma aparecer após a operação. A almofada proporciona apoio físico e psicológico, já que traz a paciente algo para agarrar como um símbolo de solidariedade. O Objetivo é espalhar a ação para que outros grupos de voluntários possam aderir e assim formar uma corrente do bem.  Nesta primeira faze vários voluntários participaram, levando maquinas de costura, tecidos, tesouras, fibra entre outros. De acordo com a Presidente do Rotary Club de Luiziana, Elisangela Ferri, são vários passos a serem seguidos na confecção das almofadas, “os voluntários se dividiram em grupos para separar e passar os tecidos com o ferro elétrico, cortar com a utilização do molde de coração e costurar, a fibra é pesada para o enchimento e no final os corações recebem uma etiqueta e um cartão com a assinatura do voluntário e embalados. Formando assim uma corrente de amor”, disse Elisangela Ferri. O projeto terá sequência na próxima quinta-feira, 24 de outubro no Centro Catequético as 19h30min e esta aberto para toda comunidade.

Postado em 18 de Outubro de 2019

GOVERNADOR DO DISTRITO 4630 CUMPRE AGENDA EM LUIZIANA E EMPOSSA NOVOS ASSOCIADOS NO ROTARY CLUB

GOVERNADOR DO DISTRITO 4630 CUMPRE AGENDA EM LUIZIANA E EMPOSSA NOVOS ASSOCIADOS NO ROTARY CLUB O governador do Distrito 4630 Édio Martello esteve em Luiziana nessa terça-feira (15) onde foi recepcionado na Escola Municipal Rita de Cassia para participar da entrega e inauguração do Laboratório de informática o qual faz parte de um projeto humanitário desenvolvido pelo Rotary de Luiziana em parceria com o Tribunal de Justiça do estado do Paraná. Na sequência participou de assembleia que aconteceu no Centro Catequético de Luiziana junto com rotarianos para debater sobre evolução do clube, Projetos a serem desenvolvidos em Luiziana e Fundação Rotaria. Na oportunidade os associados do Clube puderam compartilhar idéias e receberam orientações sobre trabalhos futuros. Durante a noite aconteceu a cerimônia de Posse acompanhado de um jantar festivo. O Rotary Clube de Luiziana deu posse a 5 novos associados: Marilene Costin Guedes, Roseri de Lima, Edna Martini, Edson Martini e Jaqueline Boava.   EMPRESA CIDADÃ VAI CONTRIBUIR COM O ROTARY CLUBE DE LUIZIANA Na oportunidade houve também a assinatura de contrato com a Empresa Cidadã CEPEN – Centro de Estudos em Psicologia, Educação e Neurociências do Psicólogo Frank Duarte localizada em Campo Mourão. O Programa Empresa Cidadã é um projeto de contribuições, em que a empresa se compromete a fazer contribuições mensais. Os recursos arrecadados com as doações são encaminhados para os programas sociais, humanitários e ambientais, como ajuda às famílias carentes ou o combate à paralisia infantil.

Postado em 16 de Outubro de 2019

DURANTE VISITA DO GOVERNADOR DISTRITAL ROTARY CLUBE DE LUIZIANA E TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO INAUGURAM LABORATÓRIO DE INFORMATICA NA ESCOLA MUNICIPAL DE LUIZIANA EM HOMENAGEM A THOMAS ZIMERMMANN BOGNAR

O Tribunal de Justiça do estado do Paraná em parceria com o Rotary Clube de Luiziana fizeram na tarde dessa terça-feira (15), a inauguração de um Laboratório completo de informática na Escola Municipal Rita de Cassia em Luiziana. A cerimônia aconteceu na sede da escola e contou com a presença do Diretor do Fórum da Comarca de Campo Mourão Dr. Rui Antônio Cruz, do Governador do Rotary do Distrito 4630 Édio Martello, Presidente do Rotary Clube de Luiziana Elisangela Ferri, do vice prefeito de Luiziana Wilson Tureck, Presidente da Câmara de vereadores Marcio Fin, Secretaria de Ação Social Letícia Monteiro, Secretario de Educação José de Souza Santos e a Diretora da Escola Rita de Cassia Gislaine Kelh. Os 30 computadores completos usados foram doados pelo Tribunal de Justiça do PR, a sala de aula foi reformada por rotarianos em parceria com a Prefeitura de Luiziana, além do Laboratório de Informática a sala dos professores também foi contemplada com uma bancada e nove computadores que irão facilitar o trabalho dos professores durante a preparação das aulas. A escola Municipal Rita de Cassia atende aproximadamente 700 alunos e não possui laboratório de informática que além de atender alunos estará disponível para desenvolvimento de projetos como cursos para a comunidade. O Laboratório de informática também recebeu um nome especial em memória do atleta e rotariano Thomas Zimermmann Bognar, que faleceu no mês passado por complicações de saúde durante tratamento de Leucemia. Thomas era também presidente da Associação de Pais e Mestres da escola Municipal Rita de Cassia e secretário do Rotary Club de Luiziana, a abertura do laboratório foi acompanhada pelos pais de Thomas, Valdomiro e Elizabet Bognar e foi marcado de muita emoção. O Rotary Clube de Luiziana é dedicado a Prestação de Serviços é composto de homens e mulheres de negócios e de profissões diversificadas, que prestam serviços humanitários, fomentam um elevado padrão de ética em todas as profissões e ajudam a estabelecer a paz e a boa-vontade desenvolvendo projetos para beneficiar a comunidade.

Postado em 16 de Outubro de 2019

Ver todos

Artigo por Mário César Camargo - Diretor do Rotary International: Rotary e Covid-19: Crise ou Oportunidade?

“Nunca desperdice uma boa crise” -  Winston Churchill. É o momento de fazer um balanço da gestão até ser atingida pelo tsunami do covid-19, até como referência histórica. Tenho minhas dúvidas sobre afirmações categóricas de que o mundo não será o mesmo após o fim da pandemia. O discurso era idêntico após o 11 de setembro de 2001, as viagens tornaram-se mais burocratizadas, os mecanismos de monitoramento “big brother” com reconhecimento facial disseminam-se pelo mundo, mas vida que segue. O choque da pandemia mudará o ambiente de negócios, haverá certa hesitação de contato físico no início, empresas quebrarão, o ambiente virtual ganhará milhões de neófitos, prioridades governamentais serão reavaliadas, líderes emergirão e submergirão, mas o ser humano continuará sua saga. Esperançosamente, mais solidário, mais conectado, mais ativo na sua comunidade. E o Rotary lucrará com esse movimento, desde que projetemos a imagem de instituição voltada ao melhoramento do ser humano, estampado no lema “Dar de si antes de pensar em si”. Uma entidade com gente de ação, atrativa para futuros rotarianos. Vamos lá, aos números. Relatório de gestão pode ser enfadonho, numérico, pouco inspirador, mas inevitável que mensuremos nossa trajetória até abril de 2020, para informar aos rotarianos da América do Sul. O que o Rotary está fazendo para combater a covid-19 em nível mundial? A Fundação Rotária aprovou até 15 de maio US$ 13,017 milhões em 157 projetos de subsídio global. Solicitações de subsídios de auxílio a desastre somam 300 no mundo, tendo 193 sido aprovadas, num total de US$ 4,807 milhões. Para os 45 distritos das zonas 23 e 24, Brasil e América do Sul espanhola, aprovaram-se 27 projetos, somando US$ 675 mil, fruto da agilidade dos governadores do continente ao requisitar esses fundos, alocados para quem primeiro chega; Qual o impacto da crise na captação de recursos da ABTRF/TRF no Brasil? Até 30 de abril, nenhum. O volume captado no período no ano 18-19 foi US$ 2,370 milhões, no ano atual US$ 2,404 milhões. Deve-se considerar que o dólar teve valorização de 42% no período, o que significa que a arrecadação cresceu na mesma proporção em reais, um feito a ser reconhecido; Como está o quadro associativo em nível mundial? Também para o limite de 30 de abril, o número de rotarianos cresceu 27.933 no mundo, o que poderia ser considerado alvissareiro. Acontece que, se comparado a abril de 2019, estamos 9.154 abaixo, o que vem ocorrendo há dois anos, uma tendência perigosa; Como está o quadro associativo no Brasil? 20 distritos ganharam sócios em relação a 1 de julho de 2019, mas 11 perderam, num crescimento líquido de pouco mais de 600 companheiros. Se levado em conta que o acréscimo chegará a mais de 2.000 em outubro último, é preocupante. Ainda mais com a eclosão da pandemia, com impacto ainda incerto no quadro associativo; O Rotary perderá membros em nível mundial? É a pergunta de 1 milhão de dólares, ninguém sabe, tendo em vista o ineditismo da crise, pelo menos nos últimos cem anos, desde a gripe espanhola de 1918-1920. Mas o Rotary tem estatísticas de 115 anos, e somente numa crise houve uma queda expressiva do quadro social, de 5,6% , nos anos 1932 e 1933, sequentes à depressão americana. O estatístico do Rotary projeta, com 95% de margem de acerto, que pode haver queda ou aumento do quadro de 1,8% nos próximos quatro anos. A ver; Haverá impacto na captação de recursos para a Polio? Ainda há tempo para reagir, mas o investimento em projetos da covid-19, no total de US$ 17,8 milhões mencionados acima, solapou as reservas que poderiam ser destinadas à Polio, para manter a equiparação de 2 para 1 com a Fundação Gates. Hoje, dia 19 de maio, faltam ainda US$ 16 milhões para chegar aos US$ 50 milhões do compromisso, e não podemos esquecer que para cada dólar do rotariano, faltarão dois dólares do lado Gates. Precisamos reagir, e rápido, faltando seis semanas para o término do ano rotário. O Rotary atravessou mais de um século de desafios, é nossa marca de nascença. Depressão, gripe espanhola, crise do petróleo, duas grandes guerras, que geraram frutos com digital do Rotary, como a UNESCO e a ONU. Tornamo-nos maiores diante da crise, afinal somos marinheiros de mares revoltos, não de piscina. Seguindo o pensamento do primeiro ministro inglês, que conduziu a Inglaterra no seu período mais turbulento, não desperdiçaremos uma boa crise. Sairemos dela maiores e mais fortes. Lutaremos em todas as “lives” possíveis para manter nossa equipe motivada, conectada, abrindo oportunidades. Até nos encontrarmos novamente para um forte abraço rotário. Sem covid-19.  

Em 27/05/2020

O ROTARY CLUB DE SANTA ISABEL DO IVAÍ REALIZA DOAÇÃO DE 95 LITROS ALCOOL 70 PARA A SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE SANTA MÔNICA.

No dia 20/05/2020, foi realizada a entrega de 19 galões de 5 litros de álcool 70 para a Secretaria Municipal de Santa Mônica, essa ação, foi viabilizada através de uma solicitação realizada pelo futuro presidente do Rotary Club de Santa Isabel do Ivaí, Marcos José dos Santos, que tem buscado promover ações que contribua com a comunidade local considerando as necessidades da sociedade. E estiveram presentes no ato da entrega o atual presidente do Rotary Club de Santa Isabel do Ivaí, Renato Costa Nunes e o companheiro e futuro presidente do Rotary Marcos José dos Santos e representando a Secretaria Municipal de Saúde, Regiane Aparecida Alcantara e Emily Gois Silva. “O Rotary de Santa Isabel do Ivaí sempre presente na comunidade e cumprindo seu papel de "Dar de Si sem pensar em Si", para juntos Conectarmos o Mundo”.

Em 24/05/2020 por Rotary Club de Santa Isabel do Ivaí

Tecnologia: Clubes passaram a se Reunir de forma Virtual

Uma pandemia nos “ensinou” a fazer um novo formato de reunião, que já era permitido pelo Conselho de Legislação (COL) do Rotary International, mas ainda pouco praticado no Distrito 4630. Completamos pouco mais de 2 meses de reuniões rotárias on-line. O novo coronavírus fez com que os rotarianos, incansáveis em querer ajudar o próximo, aprendessem a usar uma nova ferramenta: aplicativos para reuniões virtuais. Mesmo aqueles que eram mais resistentes, pela falta de familiaridade com as novas tecnologias, passaram a gostar das reuniões on-line, uma forma encontrada para amenizar a falta de contato presencial que a quarentena tem causado. Segundo o governador Edio Martello, “manter as reuniões já foi uma grande sacada dos clubes em focarem na solução, fazendo um favor para a comunidade e para si mesmos, reunindo-se, ainda que virtualmente, neste momento em que o isolamento é necessário e primordial. Manter as reuniões torna menos difícil essa quarentena e nos mantém fortes para prosseguirmos”, afirma. Para o Coordenador Assistente da Imagem Pública das Zonas 23 A e 24 A, Richard Ropelato Rizzo, os clubes fizeram o dever de casa. “Com mais ou menos dificuldades todos se adaptaram a nova realidade e fizeram bom uso da tecnologia. O distrito não foi diferente. Pela primeira vez fizemos o GATS e PETS on-line. O Rotary International se reinventou, quando pela primeira vez fez a reunião do board foi de forma online. O futuro com certeza será diferente. Novas oportunidades surgirão. Os clubes perceberam que é possível adotar as tecnologias para continuar o trabalho que fazemos. Lembrando que adotamos ferramentas digitais desde o ano rotário 2018-19, quando o Carlos Naves foi governador”, pontua. “Quando compramos a ferramenta, pensamos nela para uma necessidade extra, para ter um contato mais instantâneo com os presidentes, presidentes de comissões, GAs, não pensando como um substituto dos principais treinamentos presenciais, porque nada substitui esse contato. Fomos o primeiro Distrito a utilizar essa ferramenta, então temos já esse expertise, mas jamais imaginei que passaríamos por um momento de reclusão, como esse causado pela pandemia. Hoje é a ferramenta que encontramos para unir o Distrito à distância, mantendo as reuniões e até realizando o PETS e GATS de forma virtual, porque os trabalhos precisam continuar”, fala o governador 2018-19 Carlos Naves. Rotary e a Pandemia – De acordo com o Diretor do Rotary International, Mário César Martins de Camargo, além das orientações para que os rotarianos continuem as reuniões on-line, as propostas a serem analisadas pela sede da organização nos EUA já foram enviadas, a fim de manter os clubes rentáveis. Serão avaliados a possibilidade de congelamento do dólar rotário, um estudo para o valor da taxa percapta, usar os fundos de subsídios, entre outros. “Alguma coisa com certeza vai sair, e já está saindo, como por exemplo o fundo para desastres naturais, pois a Covid-19 pode ser considerada uma catástrofe. Crise é o nosso sobrenome e o Rotary se renova e se fortalece nas adversidades”, garante Mário César. Larissa Nakao Comunicação Corporativa 

Em 21/05/2020

Reuniões

Informamos a todos que nossas reuniões estão ocorrendo semanalmente, por videoconferência, com abertura às 20:00 e início da reunião às 20:30, todas as quintas-feiras.  Ainda não temos previsão para o retorno das reuniões presenciais. Caso tenha interesse em participar, solicite o link ao secretário do Club, Companheiro Raphael Duarte da Silva, pelo telefone 44-99978-1723.

Em 21/05/2020 por Rotary Club de Campo Mourão

Unidos contra a pandemia, cuidando dos profissionais da linha de frente!

Mais um lote de face shields concluído!Parceria do  Laboratório Pasteur ( que faz parte da Empresa Cidadã do Rotary Arenito), Ágape confecções e Rotary Club de Paranavaí Arenito.Unidos contra a pandemia, cuidando dos profissionais da linha de frente!

Em 20/05/2020 por Rotary Club de Paranavaí-Arenito

GAs em Ação - Guilherme Antonio Garcia Pereira – Grupo 21: Icaraíma, Umuarama Capital da Amizade e Umuarama Despertar

Rotariano desde 2011, Guilherme foi Protocolo em 2014-15, presidente do evento Leitão à Pururuca em 2015-16 e presidente em 2017-18 do Rotary Club de Umuarama Capital da Amizade. Desde o início da quarentena, os clubes do seu grupo adaptaram a reunião presencial para a troca de conversas em Grupos criados no WhatsApp. Segundo o governador assistente, foi a alternativa encontrada de forma consensual para os trabalhos não pararem. “O Encontro Ecológico, por exemplo, um evento ambiental já consolidado em todo o distrito, teve que ser cancelado em razão da pandemia do coronavírus. O Rotary Club de Umuarama Capital da Amizade está avaliando se o evento será remarcado ainda neste ano rotário 2018-19, tudo dependerá das informações que estamos recebendo das autoridades de saúde, do que será permitido. Porém, para a segurança de todos, organização e participantes, este evento deverá acontecer na próxima gestão”, pontua Guilherme. O quadro associativo mantém-se no ritmo dentro do esperado, da meta dos 10% de expansão. “Com a visita oficial do governador Edio, o Rotary Club de Icaraíma assimilou os fundamentos rotários passados e semanas depois conseguiu aumentar o quadro associativo. É um clube pequeno, que está voltando a crescer”, avalia. Por outro lado, a venda das Ações Humanitárias foram concluídas rapidamente por este clube, que fez a tarefa de casa da venda simbólica das vacinas contra a poliomielite. Como governador assistente, Guilherme tem investido com os clubes na importância de manterem o foco na realização de projetos junto à Fundação Rotária. “Recentemente, o Rotary Club de Icaraíma em parceria com o Umuarama Capital da Amizade fez a entrega de Projeto Distrital para a Apae de Icaraíma, com equipamentos para ajudar no tratamento dos alunos”.  Larissa Nakao Comunicação Corporativa

Em 14/05/2020

Reuniões Terças-Feiras | 20:00
Avenida Liberdade,1225 Cep: 87290-000